MPF apura possível caso de improbidade administrativa de reitor na visita de Lula a SM – FM 102.7 Mhz – A Gigante Do Rádio | Santa Maria – RS
loading...

MPF apura possível caso de improbidade administrativa de reitor na visita de Lula a SM

0 8

O Ministério Público Federal (MPF) irá apurar um possível caso de improbidade administrativa junto à Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). A situação é referente à passagem da caravana do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva por Santa Maria, na última terça-feira (20), quando o político cumpriu agenda oficial dentro da instituição.

Passagem de Lula teve reunião com reitores, relhaço e comício na Nova Santa Marta

A representação foi feita pelo bacharel em Direito da UFSM Giuseppe Riesgo. Ele também acionou o Ministério Público Eleitoral (MPE) porque, no entendimento dele, o petista se valeu de uma estrutura federal para promover um ato de “campanha política antecipada”. As informações são do Jornal Zero Hora.

Riesgo alega que a solenidade dentro da UFSM contou com diversas autoridades da universidade – como a presença do reitor Paulo Burmann – que recepcionaram Lula e “diversas lideranças do PT, como a ex-presidente Dilma Rousseff e colegas de partido”.

Já o gabinete do reitor emitiu nota informando que “UFSM recebeu, sim, um ato oficial, que constou na agenda da universidade. Que nada foi escondido e que ocorreu uma reunião de trabalho com a participação de reitores de universidades e institutos federais. A nota reforça que todo e qualquer pré-candidato à Presidência da República que quiser se reunir com a instituição será recebido.”

Central de Jornalismo – Fabricio Minussi (MTB 11.110)

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *