MP-RS se manifesta contra prisão domiciliar da madrasta de Bernardo Boldrini – FM 102.7 Mhz – A Gigante Do Rádio | Santa Maria – RS
loading...

MP-RS se manifesta contra prisão domiciliar da madrasta de Bernardo Boldrini

0 8

O Ministério Público do Rio Grande do Sul, através da promotoria de Três Passos, enviou manifestação contrária à concessão de prisão domiciliar para Graciele Ugulini. Ele se encontra detida pela morte do menino Bernardo Boldrini, ocorrida em abril de 2014.

A defesa de Graciele protocolou o pedido baseada na nova jurisprudência que progride ao regime domiciliar as detentas grávidas ou mães de crianças menores de 12 anos.

Conforme a promotoria, a madrasta de Bernardo “não se enquadra nas hipóteses previstas” em decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). Segundo o MP-RS, ela não está na condição de genitora pois não detém a guarda da filha, nem exerce poder familiar sobre ela.

Central de Jornalismo – Fabricio Minussi (MTB 11.110)

Foto:  Foto: André Ávila / CP / Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *